Sonhos de Mamuzinha

Gosto de rosas,são femininas e fracas, se parecem comigo, tenho meu perfume e meus espinhos.

Textos


Pensando sou vulcão



Como lava dentro de um vulcão silencioso se preparando para jorrar pelos campos.
Ideias projetos sendo tecidos e a realizar. Nasce no subconsciente e vindo à tona. Perco em meus próprios devaneios futuros. A necessidade de escrever.
Como uma explosão jorra de meus dedos o que sai de mim. O insaciável desejo de comunicar com as pessoas Mas mão só as pessoas porque me vejo conversando com os animais muitas vezes e eles prestam atenção e penso que entendem ou quando abraço uma árvore e falo com ela assim como falo com as flores e plantas me parecem que ficam felizes. A doce flagrância que me vem às narinas quando as rego falando com elas me fazem bem a alma.
|e agradeço ao Eterno pela a vida e a criação e sinto a pequenez que sou, mas me sinto um gigante por pertencer à vida. Recordo-me de uma amiga me dizendo quando um cálice este cheio ele esta repleta e nada mais cabem assim somos nós diante do criador estamos repletos como um magnifico e grande cálice e assim como ele estamos repletos e nada mais cabe
O desejo de ser perfeitos, bondosa e capaz esta dentro de nós e sermos felizes os que envolvem os que amamos e a todos na utopia de nossas mentes. O mundo perfeito sem dores. O imenso desejo de ser paz.
A paz que sempre peço, mas talvez devesse pedir a sabedoria antes. Salomão pediu sabedoria e teve tudo. Mas penso que a paz traz também a sabedoria poie que no nosso coração de paz existe a bondade e o perdão. Perdão fácil de falar, mas realizar é algo que se torna o mais difícil ato. Esvaziar se dos sentimentos para perdoar e depois se encher de amor e partilhar. Dar o que de melhor temos. E de repente minha mente se cala. Meditar e aproveitar este momento. Desejo que tenha momentos de silêncio
Dione Fonseca
Dione Fonseca ( Mamuzinha)
Enviado por Dione Fonseca ( Mamuzinha) em 17/11/2018


Comentários

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras